Jane Rezende Saúde

Estórias e educação Infantil

Jane Rezende
Escrito por: Jane Rezende

Por Jane Rezende – As histórias e os contos de fadas sempre participaram e até hoje participam da educação infantil tanto no lar, quanto na escola ,  ajudando a criança a lidar com aspectos do inconscientes. Ao ouvir histórias, a criança tem a oportunidade de enriquecer e desenvolver sua imaginação, ampliar seu vocabulário, aprender a refletir e aceitar situações relativas às diversas fases da vida, além de desenvolver o pensamento lógico que favorece a memória.

As histórias contribuem para que a criança entre em contato com diversos modos de ver e sentir o mundo e , é através da história que a simbologia da linguagem é experimentada junto com o imaginário e o real. A identificação com as histórias ou com os contos de fadas a criança passa a querer ouvi-la várias vezes por se identificar com a personagem ou com algo semelhante ao que vive naquele momento, sendo este um motivo para se trabalhar histórias que abordam temas do cotidiano como morte, laços familiares desfeitos e outros conflitos que falam de desenvolvimento.

As histórias infantis e os contos de fadas se torna um  instrumento de vivências emocionais que favorecem viver em sociedade no meio escolar e na família.  O ato de contar histórias está presente de forma mundial sendo passado através das gerações com o objetivo de encantar a todos com a magia que representa.

os contos e as histórias  utilizam  linguagem do inconsciente através dos símbolos levando a uma viagem aos seus sentimentos e pensamentos mesmo que de forma inconsciente.

E o aprendizado através das brincadeira e contos ajuda as crianças a compreenderem os seus sentimentos, suas ações, o que acontece ao seu redor.

Um beneficio importante é a ajuda no domínio da linguagem, sendo então o livro um meio de recreação e instrução, além do que desperta a imaginação, a criança tem contato com sentimentos como alegria, medo, coragem, ensina perseverança, esperança, fé, amor e amor ao próximo. 

A leitura de histórias para a criança na educação infantil favorece o interesse pela leitura e pela escrita, desenvolve valores éticos, promove a imaginação e ajuda a elaborar conflitos

As histórias infantis são contadas geralmente pelos  pais, professores ou cuidadores como forma de distração, mas muitas vezes não se dão conta do que fica guardado no inconsciente de quem os ouve

Ressaltamos assim a importância de contar histórias na educação infantil e como essa atitude deve incentivar o seu uso pelos professores, bem como no atendimento clinico ( conduta atual a qual tenho obtido bastante sucesso) e em casa com seus familiares.

Portanto a contação de estórias favorece ao aprendizado, contato com as próprias emoções, aproximação dos pais, professores e cuidadores da criança, desenvolvendo nelas aprendizado através da simbologia, diálogo, imaginação.

Imagens: Reprodução

Sobre o autor

Jane Rezende

Jane Rezende

Jane Rezende é médica pediatra.

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: