Futebol Brasil

Aguirre iguala jejum que culminou com queda de Ceni no São Paulo

Redação
Escrito por: Redação

O empate sem gols com o Atlético-PR no último sábado, no Morumbi, foi o sexto jogo consecutivo em que o São Paulo não venceu no Campeonato Brasileiro. Com quatro empates e duas derrotas, esta é a pior marca de Diego Aguirre desde que chegou ao clube, em março, igualando o jejum de vitórias de Rogério Ceni em 2017, que culminou com a demissão do ex-goleiro.

À época já pressionado pelas eliminações no Campeonato Paulista e na Copa do Brasil, Ceni começou o Brasileirão com três vitórias e duas derrotas, colocando o Tricolor na sétima posição. A partir da sexta rodada, porém, o time sofreu uma queda vertiginosa de rendimento.

Com quatro reveses e dois empates em um período inferior a um mês, o São Paulo foi parar no 17º lugar, dentro da zona de rebaixamento. Com a falta de evolução e um prognóstico preocupante, a situação de Ceni ficou insustentável, e a diretoria optou pela demissão.

Na ocasião, a série negativa continuou por mais três partidas. Com Pintado de interino, o São Paulo perdeu por 3 a 2 para o Santos na Vila Belmiro, um jogo antes de Dorival Júnior assumir a equipe. Após um empate com o Atlético-GO e uma derrota para a Chapecoense, o então novo treinador encerrou o jejum com uma vitória por 1 a 0 sobre o Vasco, no dia 19 de julho, no Morumbi.

Veja a série que determinou a demissão de Rogério Ceni:
11/06/2017: São Paulo 2 x 3 Corinthians (Arena)
14/06/2017: São Paulo 0 x 0 Sport (Ilha do Retiro)
18/06/2017: São Paulo 1 x 2 Atlético-MG (Morumbi)
21/06/2017: São Paulo 0 x 1 Atlético-PR (Arena da Baixada)
25/06/2017: São Paulo 1 x 1 Fluminense (Morumbi)
02/07/2017: São Paulo 0 x 2 Flamengo (Ilha do Urubu)

Diego Aguirre amarga seu maior jejum desde que assumiu o São Paulo (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

Diferentemente de Ceni, Aguirre passou longe do risco de rebaixamento em 2018. Após uma arrancada de seis vitórias em sete jogos, o time terminou o primeiro turno na liderança, brigando pelo título nacional.

No entanto, com Everton frequentemente no departamento médico e outros pilares em baixa, a equipe caiu de produção. Em 11 partidas no returno, o Tricolor conquistou apenas duas vitórias, sendo a última delas obtida sobre o Bahia, por 1 a 0, no Morumbi, há exatos 45 dias.

A má campanha na segunda metade do campeonato fez o São Paulo despencar para o quarto lugar e praticamente abandonar a briga pelo caneco. A oito rodadas do fim, o time acumula 53 pontos, nove a menos que o líder Palmeiras e apenas um a mais que o Grêmio, quinto colocado.

A derrocada ainda não colocou Diego Aguirre em situação delicada no cargo, mas uma eventual renovação de contrato pode passar pela classificação à fase de grupos da Copa Libertadores do ano que vem.

Veja a série de seis jogos sem vitórias de Diego Aguirre em 2018:
16/09/2018: São Paulo 0 x 0 Santos (Vila Belmiro)
22/09/2018: São Paulo 1 x 1 América-MG (Morumbi)
30/09/2018: São Paulo 2 x 2 Botafogo (Engenhão)
06/10/2018: São Paulo 0 x 2 Palmeiras (Morumbi)
14/10/2018: São Paulo 1 x 3 Internacional (Beira-Rio)
20/10/2018: São Paulo 0 x 0 Atlético-PR (Morumbi)

Com informações da Gazeta Esportiva

Imagem de capa: Rubens Chiri/SPFC

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
%d blogueiros gostam disto: