Indaiatuba

Apesar da tranquilidade, RMC registra crimes eleitorais e substituição de urnas

Redação
Escrito por: Redação
Em Indaiatuba, um homem foi detido durante a manhã após escrever o número do candidato no espaço reservado para a assinatura do comprovante de votação. Ele foi levado para a delegacia para prestar esclarecimentos.

O segundo turno das eleições 2018 foi tranquilo, de modo geral, na região de Campinas.

Foram registrados problemas em 38 urnas na região. O número representa alta de 46% sobre as contabilizadas no primeiro turno. Só na cidade de Campinas, foram 14 urnas com problemas, e sete delas foram substituídas.

No município de Artur Nogueira, um crime eleitoral foi registrado. De acordo com a Polícia Militar, um eleitor foi detido por usar o telefone celular na cabine de votação. Ele relatou à PM que filmou o voto.

O celular foi apreendido, e o eleitor encaminhado para a delegacia.

Em Indaiatuba, um homem foi detido durante a manhã após escrever o número do candidato no espaço reservado para a assinatura do comprovante de votação. Ele foi levado para a delegacia para prestar esclarecimentos, e a Polícia Civil apura se houve boca de urna. O eleitor retornou à zona eleitoral para votar no período da tarde, acompanhado de um juiz eleitoral.

Eleitores que estiveram fora dos domicílios eleitorais neste domingo precisam justificar a ausência à Justiça Federal. Em Campinas, além dos postos de votação, ela pôde ser realizada no Aeroporto Internacional de Viracopos.

O gerente industrial Luiz Fernando Mergulhão reside em Rio Claro, município onde vota, mas viajava neste domingo para Goiânia. Ele afirmou que se estivesse no domicílio eleitoral, não deixaria de votar.

O cerimonialista Vicente de Miranda e a amiga Sueli Custódio embarcavam em Viracopos com destino à Europa, e justificaram a ausência nas urnas no posto disponibilizado no aeroporto.

Mesmo quem tem mais de 70 anos se esforçou para comparecer às urnas. Entre as seções eleitorais de Sumaré, as que funcionam na Escola Municipal José de Anchieta/ Dr. Leandro Franceschini, registraram alto número de eleitores do voto não obrigatório.

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, e o novo governador do estado de SP, João Dória, foram os mais votados em Campinas.

Em Pedreira, o candidato do PSL foi o mais votado da RMC. Já Dória, recebeu o maior número de votos da região na cidade de Vinhedo. Com informações da CBN

Imagem: reprodução

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
%d blogueiros gostam disto: