Assessor de Fernando Holiday estimula ataques nas redes à família de Manuela D’Ávila

Lucas Pavanato publicou uma foto de Manuela ao lado do marido e enteado. Com as críticas, apagou o post e disse que "exagerou"

Lucas Pavanato (Reprodução)

O coordenador político do vereador Fernando Holiday (Novo-SP), Lucas Pavanato, é uma das pessoas que tem estimulado ataques à família de Manuela D’Ávila (PCdoB) nas redes sociais. O estudante de administração de 23 anos publicou em seu perfil no Twitter, na noite deste sábado (5), uma foto da ex-candidata à vice-presidenta ao lado do marido e o enteado.

O ataque ocorre dias depois de Manuela denunciar ameaças que ela e sua família estão sofrendo por parte de grupos de ódio, inclusive com ameaças de estupro à filha de 5 anos da ex-candidata. Segundo Manuela, um pai de uma criança que estuda na mesma escola que Laura, sua filha, tirou uma foto dela e passou a divulgá-la em grupos de ódio na internet.

Poucas horas após o ataque do assessor de Holiday, a jornalista Rita Lisauskas pediu a seus seguidores que denunciassem o perfil dele no Twitter. “Convido os meus seguidores a denunciarem esse ser que há 2 horas postou uma foto da nossa querida Manuela D’Ávila com marido e enteado em mais de um desses ataques sujos da extrema-direita contra mulheres progressistas e suas famílias”, escreveu a jornalista.

Com as denúncias e críticas, Pavanato apagou a foto e pediu desculpas, dizendo que “exagerou na crítica”. “O intuito não foi atacar a família de ninguém apenas apontar para uma hipocrisia. Retirei o post e peço perdão pelo equívoco”, escreveu.

O próprio vereador Fernando Holiday respondeu à postagem de Lisauskas, alegando que houve um “exagero” por parte do assessor.

“Realmente houve um exagero. Mas, o próprio @lucaspavanato reconheceu o erro, pediu desculpas e apagou o post. Todos nós precisamos contribuir por um ambiente de mais respeito no debate público, isso certamente passa por reconhecer os equívocos e se corrigir quando necessário”, escreveu o vereador.

De acordo com Manuela, as ameaças contra ela e sua família nas redes sociais estão sendo investigadas pela polícia.

[responsivevoice_button voice=”Brazilian Portuguese Female”]