Futebol Brasil

Blandi faz força, mas negociação com o Santos não avança

Redação
Escrito por: Redação

Nicolás Blandi bem que tentou, mas a negociação com o Santos não avançou nos últimos dias. O atacante do San Lorenzo-ARG abriu mão de uma dívida com o clube e chegou a comentar com diretores sobre o desejo de atuar no Peixe, porém, os altos valores e a resistência do técnico Cuca pesaram contra a transação.

O San Lorenzo pediu 6 milhões de dólares (R$ 23,3 mi) por 100% dos direitos econômicos do artilheiro e capitão da equipe. O alvinegro aceitaria pagar metade do valor por parte do “passe”, mas a comissão técnica não se empolgou com a opção por causa do tempo curto de adaptação para o argentino em meio à disputa do Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores da América.

Sem sucesso e com o fim da janela internacional de transferências nesta quarta-feira, o Santos se voltou para o mercado interno e busca alternativas na Série B do Campeonato Brasileiro. Junior Brandão, do Atlético-GO, foi um pedido de Cuca. A pedida, porém, é de 1,5 milhão de euros (R$ 6,6 mi) por 70% dos direitos econômicos do artilheiro da segunda divisão, com nove gols.

Um Plano B para Brandão é Junior Santos, da Ponte Preta. O atacante de 23 anos ainda não foi procurado pelo Santos e a agrada a Cuca e alguns membros da diretoria. O jovem tem seis gols e é destaque da Macaca, oitava colocada na competição.

Trazer um centroavante é a prioridade do Santos neste momento. O titular é Gabigol, um ponta de origem, e as opções de Cuca são Eduardo Sasha, outro jogador de lado, e Yuri Alberto, um 9 de formação, mas com 17 anos. Com informações da Gazeta Esportiva

Imagem de capa: JUAN MABROMATA/AFP

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: