Z1 Cidades

Cabreúva: Fiscais encontram grupo em situação de trabalho escravo em sítio

Redação
Escrito por: Redação
Três menores de idade estavam no local; funcionários afirmam que não recebem salário há três meses. Dono do sítio não foi encontrado, mas advogado firmou termo de compromisso com o grupo.

O Ministério do Trabalho flagrou oito pessoas em situação de trabalho escravo em um sítio no bairro Pedregulho, em Cabreúva (SP), nesta quinta-feira (17).

Representantes do Ministério Público do Trabalho (MPT) também participaram da fiscalização que flagrou três famílias vivendo em situação precária na casa de quatro cômodos.

Os trabalhadores, sendo três menores de idade, afirmaram que não recebem salário há três meses e acumulam dívida de compras em uma mercearia indicada pelo empregador. Todos são de Ribeirão Branco (SP).

O dono do sítio não estava no local quando os fiscais chegaram, mas será multado por não pagar todos os direitos trabalhistas do grupo e ainda pode ser preso.

Um advogado, que se apresentou como defensor do homem, foi ao local e disse aos fiscais que o empregador se comprometeu a pagar R$ 2,5 mil a cada funcionário.

O acordo foi formalizado em um termo de compromisso. Os trabalhadores serão levados a um hotel com diária e refeições pagas pelo empregador antes de voltarem para a cidade natal nesta sexta-feira (18).

O caso será encaminhado pelo Ministério Público do Trabalho à Justiça.

Imagem: Ministério do Trabalho/Divulgação
Com informações do G1

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: