Futebol Brasil

Com confusão no VAR, Cruzeiro perde para Boca na Argentina

Redação
Escrito por: Redação

Foi com uma grande polêmica que o Boca Juniors venceu o Cruzeiro, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, na Argentina, em duelo válido pela Copa Libertadores. A partida de volta será no dia 4 de outubro, no Mineirão.

Chamou a atenção a utilização do árbitro de vídeo feita pelo árbitro da noite. Em um lance normal, o zagueiro Dedé trombou com o goleiro Andrada. Ninguém do Boca reclamou, o defensor cruzeirense percebeu a situação e rapidamente pediu atenção para que os médicos entrassem em campo. O juiz após alguns minutos decidiu ver o lance novamente e expulsou o defensor cruzeirense.

De todo o resto do jogo, o confronto válido pela ida das quartas de final da Libertadores, teve um Cruzeiro em alguns momentos apático, com pouca força ofensiva e tentando se aplicar taticamente. Já o Boca Juniors fez valer sua força dentro de seu estádio e garantiu o resultado.

VARzea: Absurdo do VAR

Quando o jogo chegou aos 28 minutos, um lance normal se tornou fundamental. Em cruzamento na área, o zagueiro Dedé se chocou com o goleiro do Boca. Após algum tempo do arqueiro no chão, o juiz utilizou o recurso de vídeo e estranhamente expulsou o zagueiro Dedé.

Aos 36, em cruzamento na área, o Boca fez o segundo. A defesa da Raposa vacila para tirar a bola e Pérez chuta forte, na entrada da área, e coloca no fundo das redes.

Imagem: Reprodução / Eitan Abramovich/AFP

Com informações da Gazeta Esportiva

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: