Entretenimento

Falamansa lança DVD comemorativo de seus 20 anos de carreira

Redação
Escrito por: Redação

Ha ha ha ha ha/ Mas eu tô rindo à toa/ Não que a vida esteja assim tão boa/ Mas um sorriso ajuda a melhorar”. Rindo à toa, clássico do forró de zabumba da década de 1990, projetou a banda Falamansa, que acaba de lançar DVD para comemorar duas décadas de carreira.

Neste sábado (15), o grupo será uma das atrações do Festival BH Sustentável, que será encerrado amanhã (16), no Estacionamento do Raja Grill, em BH. Outras atrações são os grupos Maneva, 1Kilo, CPM 22, Poesia Acústica e Ponto de Equilíbrio.
O BH Sustentável, com forte apelo social, vai além da música. A ideia, segundo os organizadores, é incentivar ações capazes de mudar o mundo, fazendo com que o cidadão compreenda a importância de cuidar do próprio habitat. Além de shows, haverá debates e workshops sobre mobilização, urbanismo, cidadania, educação, equilíbrio, inovação e sustentabilidade.
Tato, vocalista do Falamansa, está feliz em se apresentar na capital, que, segundo ele, teve importante papel no sucesso da banda. “Diria que BH foi a cidade responsável por nossa primeira explosão musical. Nossos primeiros fã-clubes são daí, da capital e também do interior. O estado acabou absorvendo a nossa cultura do forró. É o primeiro show que fazemos em BH depois da gravação do DVD de 20 anos. Vai ser lindo comemorar com os mineiros, ainda mais em nesse evento que tem tudo a ver com as coisas em que a banda acredita”, diz.
O novo DVD traz os maiores sucessos do Falamansa – Xote dos milagres, Rindo à toa, Xote da alegria, Chuva e Medo do escuro –, além de três inéditas, Joia rara, Solução e Cem anos, assinadas por Tato. O repertório conta também com 12 regravações de clássicos de Dominguinhos, Gonzaguinha, Gilberto Gil e Alceu Valença, entre outros ícones do gênero.
“A gente tenta mostrar as nossas maiores referências e um pouco do movimento do forró. Homenageamos grandes parceiros, como o Dominguinhos. Ele é mais do que especial, pois participou da nossa carreira e nos deu o aval para continuarmos o trabalho. Fazemos também um apanhado da nova geração,gravando o Mestrinho, sanfoneiro do Gilberto Gil, e o Trio Virgulino. Eles fazem a história do forró ter continuidade”, comenta.
A banda se apresenta com a mesma formação há 20 anos: Tato (vocal e guitarra), Felipe (guitarra), Diego (percussão e voz), Fábio (bateria) e Fernando (baixo e voz). “Quando você faz algo ao lado de outras pessoas que têm o mesmo objetivo, consegue chegar longe. É assim com a Falamansa. Não mudamos nosso estilo para nos adequar ao mercado”, garante Tato. O grupo vendeu cerca de oito milhões de discos, lançou 11 álbuns e três DVDs e ganhou o Grammy Latino.
Com informações do Uai
Imagem: reprodução

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: