Futebol Internacional

Felipão recusa convite para comandar o Sporting

Redação
Escrito por: Redação

Sem treinador desde que Jorge Jesus acertou com Al-Hilal, da Arábia Saudita, o Sporting busca por um novo comandante na próxima temporada. O nome de maior desejo do clube era do brasileiro Luis Felipe Scolari. Entretanto, o técnico recusou o convite dos portugueses.

“Fui procurado por uma pessoa representando o Sporting para uma possível negociação. Agradeci pela lembrança, mas neste momento não posso aceitar o convite”, afirmou Felipão, por meio de sua assessoria.

O diário português A Bola já tratava as negociações como praticamente certa, com um salário próximo de 2,5 milhões de euros anuais (cerca de R$ 11 milhões de reais), o contrato seria válido por duas temporadas. Porém, com a proposta recusada, Felipão não irá assumir o comando dos Leões.

Lembrando que o brasileiro foi técnico da Seleção de Portugal entre 2003 e 2008, levando a equipe até a grande decisão da Eurocopa de 2004, e o quarto lugar na Copa do Mundo da Alemanha em 2006. Coleciona ainda grandes passagens por Criciúma, Grêmio e Palmeiras. Fora do Brasil, além dos lusos, comandou o Chelsea.

Com a seleção brasileira foi pentacampeão da Copa do Mundo de 2002, e era o técnico no Mundial disputado no Brasil, comandando a equipe no fatídico 7 a 1 para a Alemanha, no Mineirão. Após deixar o Guangzhou Evergrande, da China em 2015, Felipão está desempregado.

Imagem: Kazuhiro Nogi/AFP

Com informações da Gazeta Esportiva

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: