Policia

Irmã de porteiro incendiado: ‘Teve a vida interrompida por um monstro’

Redação
Escrito por: Redação
Estado de Jefferson Souza, de 23 anos, é considerado grave

Conhecidos do porteiro Jefferson Souza, de 23 anos, que teve o corpo incendiado por um morador do condomínio em que trabalha, têm expressado indignação nas redes sociais. O crime ocorreu Teresópolis, na Região Serrana do Rio. A Secretaria de Estado de Saúde informou que o estado de saúde da vítima é considerado grave.

“Meu irmão que está entubado e teve a vida interrompida por um monstro. Ele vai carregar cicatrizes na face pro resto da vida, sem falar nas mais profundas que ficam na alma”, afirmou Kamila de Souza, irmã do rapaz, nas redes sociais.

 

De acordo com o jornal ‘O Dia’, o agressor, identificado por Marcelo Cavalcanti Gomes, jogou gasolina em Jefferson e acendeu um isqueiro em seguida. Vídeos mostram o momento em que o porteiro sai correndo em chamas do local, enquanto Marcelo deixa o local tranquilamente.

O porteiro está internado no Hospital Estadual de Traumatologia e Ortopedia Vereador Melchiades Calazans, em Nilópolis, na Baixada Fluminense.

“Menino honesto, trabalhador e bom filho. Está fazendo falta aqui”, escreveu uma amiga nas redes sociais.

“Foi muita covardia. Não tem como ficar indignada. Força, Jefferson” disse mais seguidor. Com informações do Notícias Ao Minuto

Imagem de capa:Reprodução

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: