Z1 Cidades

Limeira: Um guarda municipal que estava na chácara foi indiciado por maus-tratos, segundo a corporação.

Redação
Escrito por: Redação

Guarda Civil Municipal (GCM) encontrou nesta quarta-feira (13) uma clínica de reabilitação sem alvará no bairro dos Pires em Limeira (SP). Segundo a corporação, três idosos e dois jovens de 20 e 23 anos estavam na chácara, que pertence a um guarda municipal que está afastado por questões de saúde.

Segundo a GCM, o guarda municipal não apresentou alvará para manter no local uma clínica de reabilitação para dependentes químicos ou de idosos. A corporação chegou no local por volta de meio-dia, após uma denúncia anônima.

Após ser abordado, o guarda afastado afirmou que tinha os documentos que viabilizam a atividade da clínica e disse que ia buscá-los, mas não retornou. Segundo a GCM, um dos idosos estava machucado e foi encaminhado para um hospital de Limeira. Nenhum deles portava documentos.

Não havia médicos no local e os remédios localizados não estavam acompanhados de receitas. Uma assistente social que acompanhou a ocorrência informou aos guardas que os idosos não poderiam ser deixados no mesmo local que os jovens.

Corregedoria

Segundo o secretário de Segurança Pública e Defesa Civil, Francisco Alves da Silva, o supervisor da Guarda Civil Municipal foi ao local e vai apresentar um relatório sobre o caso, que será repassado à Corregedoria.

O guarda foi afastado do trabalho após uma cirurgia em um dos olhos. A Corregedoria abrirá procedimento para investigar a conduta do profissional. A chácara permanecerá fechada até a conclusão das investigações, informou o secretário.

O caso foi registrado no 3º Distrito Policial de Limeira. A Polícia Civil indiciou o guarda municipal por maus-tratos e aguarda o trabalho da perícia. Os três idosos serão encaminhados pela prefeitura aos familiares.

Imagem:  Wagner Morente/Comunicação GCM Limeira

Com informações do G1

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: