Indaiatuba

Núcleo Interno de Regulação reduz espera por vagas de alta complexidade fora do município

Redação
Escrito por: Redação
Com esse trabalho a expectativa é que os leitos de Indaiatuba sejam ocupados por pacientes de média e baixa complexidade e os leitos de alta complexidade sejam ocupados nos hospitais de referência, conforme preconiza o Ministério da Saúde.

A Secretaria de Saúde implantou em setembro o Núcleo Interno de Regulação (NIR) em parceria com o HAOC que visa fazer contato com os serviços referenciados para fornecer mais eficiência na transferência dos pacientes internados no Haoc de média e alta complexidade que precisam de serviços fora do município. O trabalho é feito por uma equipe formada por integrantes da Secretaria de Saúde e do Haoc. Com um mês de trabalho foram transferidos 21 pacientes para serviços reverenciados na PUC, Unicamp e Mario Gatti, dentre eles 12 cateterismos.

De acordo com a secretária de Saúde, Graziela Garcia, antes da implantação do NIR em Indaiatuba foram feitas visitas ao NIR da Unicamp em Campinas, afim de aprender o funcionamento e aplicar em Indaiatuba. “Nosso objetivo é trazer ao município modelos de trabalho que funcionam e produzem agilidade no dia a dia. Fomos até a Unicamp e conhecemos todo o processo, assim formamos uma equipe dentro do Haoc que se dedica a esse trabalho. Antes essa responsabilidade era do médico, ele que fazia todo o processo para transferir o paciente de média ou alta complexidade e o tempo de espera para essa transferência era de aproximadamente 5 dias, com a implantação do NIR essa espera passou para apenas 1 dia”, explica Graziela.

Com esse trabalho a expectativa é que os leitos de Indaiatuba sejam ocupados por pacientes de média e baixa complexidade e os leitos de alta complexidade sejam ocupados nos hospitais de referência, conforme preconiza o Ministério da Saúde.

Regulação na Região

Nossa região ganhará um complexo regulador, que deverá complementar a agilidade das transferências de pacientes de alta complexidade para hospitais de referência. Foi assinado na primeira semana de outubro no Departamento Regional de Saúde 7, em Campinas, um convênio entre a Secretaria de Saúde do Estado e a CROSS (Central de Regulação de Ofertas e Serviços) que facilitará a comunicação para encontrar vagas, beneficiando os pacientes que necessitam de cirurgias de emergência e urgência, vagas de UTI e tratamentos complexos. Antes desse convênio a CROSS que comandava esse serviço ficava em São Paulo e agora passará operar em Campinas. Com informações da Prefeitura de Indaiatuba.

Imagem: : Arquivo- Eliandro Figueira RIC/PMI

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
%d blogueiros gostam disto: