Futebol Brasil

Palmeiras abre 2 a 0, mas cede empate para o Ceará e perde embalo

Redação
Escrito por: Redação

O Palmeiras desperdiçou uma grande chance de assumir a vice-liderança do Campeonato Brasileiro durante a tarde deste domingo. Empurrado por sua torcida, que compareceu em peso na Arena Castelão, a equipe alviverde abriu 2 a 0 diante do Ceará no primeiro tempo, com gols de Thiago Santos e Dudu, mas cometeu erros defensivos e cedeu o empate por 2 a 2 na etapa final, em duelo válido pela 11ª rodada do torneio nacional.

O time dirigido por Roger Machado, que poderia ter celebrado o terceiro triunfo consecutivo, caiu para o quinto lugar, com 18 pontos ganhos. Já o Ceará, embora tenha saído de campo com a sensação de ter vencido, permanece na 20ª  e última colocação, com míseros cinco pontos e nenhuma vitória.

No último compromisso antes da pausa para a Copa do Mundo, o Verdão receberá o líder Flamengo, na próxima quarta-feira, às 21 horas (de Brasília), no Allianz Parque. O time nordestino, por sua vez, visitará o Atlético-MG, em Belo Horizonte, no mesmo dia, mas às 21h45.

O Jogo – Apesar da condição de visitante, o Palmeiras começou em cima do Ceará e abriu o placar logo aos cinco minutos do primeiro tempo. Após Dudu cobrar escanteio pela esquerda, Thiago Santos subiu mais alto do que a zaga e testou firma no canto direito, sem chances para o goleiro Éverson.

O Verdão recuou e passou a apostar no erro do adversário. E deu certo. Aproveitando cochilo de Luiz Otávio, Lucas Lima roubou a bola e acionou Hyoran, que tocou para Willian e recebeu de volta na linha de fundo pela esquerda. Ele cruzou para trás, e Dudu só precisou empurrar para o fundo do gol.

Os visitantes, porém, tiveram pouco tempo para comemorar. Explorando o lado esquerdo da defesa alviverde, o Ceará diminuiu a desvantagem aos 25 minutos, quando Samuel Xavier cruzou por aquele lado e viu Felipe Azevedo, sozinho, cabecear para a rede. Ainda antes do intervalo, Pio arriscou de longe e assustou Jailson.

O jogo ficou ainda mais aberto na etapa complementar, com ambas as equipes buscando o ataque. Tanto que Edu Dracena apareceu na área rival e quase ampliou a vantagem alviverde. Aos 15 minutos, como um centroavante, o zagueiro dominou lançamento no peito e, sem ângulo, chutou forte. A bola tocou o travessão e saiu pela linha de fundo.

Acusando cansaço, Dudu foi substituído pelo jovem atacante Artur, que fez sua estreia com a camisa do Palmeiras. Roger também sacou o apagado Lucas Lima para a entrada de Moisés. Aos 32 minutos, livre de marcação na entrada da pequena área, Hyoran desperdiçou chance incrível ao mandar por cima após passe preciso de Willian.

Nos minutos finais, o técnico palmeirense ainda colocou Mayke na vaga de Hyoran para fortalecer o sistema defensivo. Mas a troca não funcionou. Aos 42, a zaga do Verdão falhou e viu Elton receber sozinho na área e tocar na saída de Jailson para decretar o empate no Castelão.

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 2 X 2 PALMEIRAS

Data: 10 de junho de 2018, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Local: Estádio Castelão, em Fotaleza
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Leirson Peng Martins e Jose Eduardo Calza (ambos do RS)
Público: 32.732 torcedores
Renda: R$ 959.576,00
Cartão Amarelo: Samuel Xavier e Pio (Ceará); Jean e Willian (Palmeiras)
Cartão Vermelho: –
Gols:
CEARÁ: Felipe Azevedo, aos 25 minutos do 1º tempo, e Elton, aos 42 minutos do 2º tempo
PALMEIRAS: Thiago Santos, aos 5, e Dudu, aos 22 minutos do 1º tempo

CEARÁ: Éverson; Samuel Xavier (Arnaldo), Rafael Pereira, Luiz Otávio e João Lucas; Naldo, Pio, Javier Reina (Elton) e Ricardinho; Éder Luis (Luidy) e Felipe Azevedo
Técnico: Lisca

PALMEIRAS: Jailson; Marcos Rocha, Edu Dracena, Thiago Martins e Victor Luis; Thiago Santos, Jean e Lucas Lima (Moisés); Hyoran, Dudu (Artur) e Willian
Técnico: Roger Machado

Com informações da Gazeta Esportiva.

Imagem de capa:Reprodução/ LC Moreira/Lance

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: