Z1 Cidades

Piracicaba: Fraudes em atestados incluem ‘homem grávido’ e laudo de outro estado

Redação
Escrito por: Redação

O Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de Piracicaba (SP) e Região identificou 61 fraudes em atestados médicos apresentados por profissionais nos sete primeiros meses de 2018. A entidade é a responsável por verificar cada documento apresentado pelos trabalhadores. Dentre as irregularidades estão a mudança no período de afastamento, a alteração na data e há, até, homem que utiliza exame pré-natal.

O mês com mais irregularidades foi junho, quando o sindicato identificou 11. Fevereiro teve 10 casos; enquanto abril foram nove; janeiro, março e maio, oito; e julho sete. No mesmo período, os trabalhadores apresentaram 1080 atestados.

Segundo o sindicato, a verificação se dá pela comparação das informações fornecidas às empresas com as registradas em unidades de saúde em que os funcionários foram atendidos. Há casos, no entanto, em que a fraude está mais clara.

As irregularidades

Os casos mais frequentes são de alteração na data do atestado e no período de afastamento, segundo o sindicato dos trabalhadores. Há, no entanto, casos em que a fraude está mais óbvia.

Em uma das irregularidades, por exemplo, o atestado apresentado estava sem rasuras na data e período de afastamento, mas era de uma cidade do Maranhão. Em outro, o funcionário apresentou um atestado com a Classificação Estatística Internacional de Doenças (CID) de gravidez.

“A gente encontra, dentro do atestado, CID de doença nas trompas e o CID de gravidez. A gente ainda não desenvolveu esse projeto de homem dar à luz, ‘né’?”, afirma o presidente do sindicato, Milton Costa.

Segundo o sindicato, a prática de apresentar atestados falsificados prejudica os próprios colegas de trabalho, que ficam sobrecarregados. Além disso, fraudar documentos oficiais é crime. e pode gerar demissão por justa causa.

“A recomendação é que o médico se preserve e faça o boletim de ocorrência porque o documento dele foi alterado”, afirma Costa.

Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de Piracicaba constata 61 fraudes em atestados  (Foto: Ronaldo Oliveira/EPTV)

Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de Piracicaba constata 61 fraudes em atestados (Foto: Ronaldo Oliveira/EPTV)

Com informações do G1

Imagem de capa: ilustrativa/reprodução

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
%d blogueiros gostam disto: