Indaiatuba

População da RMC cresce 1,78% em um ano

Redação
Escrito por: Redação
O IBGE divulgou hoje as estimativas da População para Estados e Municípios com data de referência em 1º de julho de 2018. Os dados foram publicados no Diário Oficial da União desta quarta-feira, 29.

De 2017 para 2018 a Região Metropolitana de Campinas teve um aumento populacional superior à média estadual. Enquanto o estado teve aumento de 0,98%, passando para 45 milhões e 540 mil habitantes, a RMC cresceu 1,78%, passando de 3 milhões 168 mil para 3 milhões 224 mil habitantes. Campinas, a maior cidade da RMC, teve o mesmo crescimento percentual que a média do estado: 0,98%, passando de 1 milhão 182 mil para 1 milhão 194 mil habitantes.

Na RMC, Paulínia foi a cidade com maior crescimento populacional em termos percentuais no último ano: 4,17%, saltando de 102.500 para 106.800 habitantes. Em seguida vem Holambra, com crescimento de 4,04%, passando de 14 mil para 14.580 habitantes. Engenheiro Coelho teve o terceiro maior crescimento, 4,03%, indo de 19.500 para 20.300 habitantes.

A cidade que menos cresceu na RMC em termos percentuais foi Santa Bárbara d’Oeste: 0,33%, passando de 191.900 habitantes para 192.500. Em seguida vem Campinas, já citada com 0,98%, e Santo Antônio de Posse, com 1,24% de crescimento, passando de 22.800 para 23.100 habitantes.

A população total do Brasil cresceu 0,4% em um ano, segundo a estimativa do IBGE, passando de 207 milhões e 660 mil para 208 milhões e 500 mil habitantes. A estimativa tem diversos fins, entre eles o cálculo das cotas dos fundos de participação de Estados e municípios. Com informações da CBN

Imagem: reprodução

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
%d blogueiros gostam disto: