Indaiatuba

Profissionais do Crasjovem apresentam trabalho em encontro nacional

Redação
Escrito por: Redação
O CrasJovem é um serviço oferecido pela Prefeitura de Indaiatuba, através da Secretaria da Família e Bem Estar Social, e como objetivo trabalhar as questões e conflitos da adolescência, amadurecendo-os para uma inserção mais consciente no mercado de trabalho.

Os profissionais do Crasjovem, Doroth de Assis Schimidt Doi, assistente social e técnica de referência do CrasJovem no Cras VI – Campo Bonito, José Paulo Diniz, psicólogo e gerente social do Cras VI – Campo Bonito, Maria Cristina Coelho Dias, assistente social e diretora do departamento de Proteção Social Básica e Renato Aparecido Nogueira, orientador social e coordenador do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos CrasJovem, participarão do XVI Encontro Nacional de Pesquisadores em Serviço Social, com o trabalho “Desembrulhando o presente: políticas públicas para a juventude no aqui e no agora”.

O artigo sistematizou algumas reflexões do cotidiano no trabalho CrasJovem e ocupou-se de apresentar algumas compreensões que atrapalham o entendimento do jovem enquanto sujeito de direitos, problematizando a importância de construir e fortalecer políticas para a juventude que atendam às suas necessidades da juventude no tempo presente.

O XVI Encontro Nacional de Pesquisadores em Serviço Social acontece de 2 a 7 de dezembro de 2018, em Vitória/ES. O evento reúne pesquisadores de Serviço Social, que contribui para a formação continuada, para a produção científica e técnica da área e para a socialização das pesquisas e das experiências profissionais.

Crasjovem

O CrasJovem é um serviço oferecido pela Prefeitura de Indaiatuba, através da Secretaria da Família e Bem Estar Social, e como objetivo trabalhar as questões e conflitos da adolescência, amadurecendo-os para uma inserção mais consciente no mercado de trabalho.

Os adolescentes são acompanhados diariamente por um Orientador Social durante as atividades de lazer, culturais e nas atividades preparatórias para processos seletivos, além do acompanhamento social nos casos de vulnerabilidade e risco apresentados pelas respectivas famílias. Com informações da Prefeitura de Indaiatuba.

Imagem: divulgação

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
%d blogueiros gostam disto: