Sorocaba: DDM prende acusado de estuprar enteada de 11 anos

Policiais civis iniciaram as investigações após a menina ser internada em um hospital e exames constatarem que ela estava com uma Doença Sexualmente Transmissível

Imagem: Reprodução
A Polícia Civil prendeu, nesta segunda-feira (5), um homem, de 52 anos, acusado de estuprar a enteada, de 11. A detenção ocorreu em Sorocaba, no interior do Estado.
O trabalho de investigação que levou à prisão do suspeito foi realizado por equipes da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) da cidade, após a menina ser internada em um hospital no dia 28 de junho e exames constatarem que ela estava com uma Doença Sexualmente Transmissível (DST).
De posse da informação, os agentes compareceram à unidade médica, registraram um boletim de ocorrência e solicitaram novos procedimentos junto ao Instituto Médico Legal (IML) – local que, depois de avaliar a vítima, constatou a violência sexual.
As apurações realizadas pelos agentes permitiram ligar a autoria ao padrasto da menina e, com as provas reunidas, um mandado de prisão temporária foi solicitado à Justiça em desfavor do homem.
A ordem judicial foi expedida pelo Juizado Especial Criminal e Vara de Violência Doméstica de Sorocaba, sendo cumprida ontem (5).
O detido foi levado até a sede da especializada, onde foram tomadas todas as medidas necessárias de Polícia Judiciária, e depois encaminhado para uma unidade prisional, permanecendo à disposição da Justiça.