Futebol Internacional

Sporting sofre, mas vence Chaves e cola nos líderes do Português

Redação
Escrito por: Redação

Encerrando a 26ª rodada do Campeonato Português, o Sporting visitou o Desportivo de Chaves e sofreu para conseguir a vitória por 2 a 1. Os leões encontraram um destemido adversário, que viu Bas Dost sair do banco para marcar os dois gols da vitória.

Com o resultado, o Sporting vai a 62 pontos e cola no vice-líder Benfica, que tem 65, e no líder Porto, que tem 67. O time da casa, por sua vez, fica com 36 pontos, cai uma posição na tabela, e termina a rodada na sétima colocação, empatado em pontuação com o Boavista (sexto colocado) e o Marítimo (oitavo colocado).

O Desportivo de Chaves volta a campo no próximo domingo, quando recebe em seus domínios a equipe do Braga, às 15h (de Brasília). No mesmo dia, às 17h15 (de Brasília), o Sporting encerra a 27ª rodada medindo forças, também em casa, com o Rio Ave.

O JOGO – A equipe do técnico Jorge Jesus encontrou dificuldades no início da partida. O time da casa não se intimidou diante do atual terceiro colocado o foi para cima do adversário desde o começo. A primeira chance de perigo inclusive, foi do Chave, assustando o goleiro Rui Patrício.

Aos 11 minutos, quase os mandantes abriram o placar. Davidson cruzou na área, o zagueiro não conseguiu tirar e a bola sobrou para Williams, que bateu para o gol, em cima do goleiro. No reflexo, o camisa 1 defendeu à queima-roupa, salvando o Sporting.

No minuto seguinte, os visitantes responderam. Após cobrança de escanteio, Montero desviou de cabeça, a bola desviou em Jefferson que por pouco não traiu o arqueiro Ricardo, que conseguiu segurar.

Daí em diante, a atmosfera do duelo esfriou e o equilíbrio predominou. O Sporting teve mais uma chance de largar na frente aos 32 minutos com Gelson Martins, mas não teve êxito.

O Chaves voltou atento e novamente agressivo para a segunda etapa, obrigando Rui Patrício a fazer mais uma grande defesa aos nove minutos.

No entanto, a alegria da torcida durou pouco no Municipal de Chaves. Com 17 jogados, Rúben Ribeiro fez bela jogada individual, driblou a zaga e cruzou no segundo poste, onde apareceu Bas Dost nas costas da defesa para desviar de cabeça para o fundo das redes e abrir o placar.

Aos 28, Bressan deu passe em profundidade, Davidson tirou Rui Patrício da jogada e mandou na direção da meta, mas Battaglia estava lá para cortar e evitar o empate.

Aos 41 minutos, mais uma vez ele. Após arrancada, Battaglia arrancou pela direita, cruzou e achou Bas Dost livre na área. Ele apenas tocou para o fundo do gol e decretou a vitória do Sporting.

Já nos acréscimos, aos 46 minutos, o árbitro marcou pênalti e o Chaves descontou, após Platiny converter cobrança: 2 a 1.

Imagem:  Reprodução/Sporting CP

Com informações da Gazeta Esportiva

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: