Z1 Cidades

Valinhos: Ministério Público tem 7 inquéritos abertos para apurar problemas em loteamentos

Redação
Escrito por: Redação

O Ministério Público registrou, de janeiro a agosto de 2018, pelo menos sete inquéritos para apurar problemas com loteamentos de Valinhos (SP). A maioria das reclamações envolve o prazo de entrega dos terrenos. De acordo com a Promotoria, as empresas não conseguem documentos que comprovem a conclusão das obras. Novos prazos foram definidos, o que revoltou os compradores, que aguardam o fim do impasse para finalmente ter o que compraram.

No caso do empreendimento Vale das Uvas, a empresa de tratamento de esgoto de Valinhos relata que ainda não fez a ligação na rede porque existem obras pendentes por parte do empreendedor. De acordo com a companhia responsável pelo loteamento, o novo prazo para a entrega dos lotes, segundo um novo acordo com o MP, é em 2021.

Para Thomás de Figueiredo Ferreira, advogado especialista em direito imobilíario, os compradores não precisam esperar o fim do prazo para brigar por indenizações. “Do mesmo jeito que o lucro é da construtora, o risco da atividade empresarial também é. Então, quando ela assume um compromsiso perante o comprador, ela precisa assumir os prejuízos que ela venha a causar no futuro”, disse o especialista.

Revolta

O representante comercial Fábio Furlan comprou o terreno em 2013, pagou R$ 180 mil à vista e até hoje não recebeu o lote. “Fui o 12º comprador, eu escolhi o lote onde sempre quis construir, paguei à vista e até hoje eu pago aluguel”, afirmou o comprador.

Outros compradores do mesmo loteamento estão revoltados e passando por complicações por conta do atraso nas entregas dos terrenos. Tatiane de Lima comprou o lote em 2014 , planejou o casamento e achava que neste ano a casa estaria pronta.

“Agora a gente vai ter que arrumar um lugar para morar, provavelmente pagar aluguel e ficar nessa situação até não sei até quando”, afirma.

Loteamentos no Vale das Uvas, em Valinhos, ainda não foi entregue (Foto: Reprodução/EPTV)

                              Loteamentos no Vale das Uvas, em Valinhos, ainda não foi entregue (Foto: Reprodução/EPTV)

Com informações do G1

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: